Dilma mentiu sobre Pasadena, diz Cerveró

001 (1)O ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró afirmou que a presidente afastada, Dilma Rousseff, mentiu sobre a compra da refinaria de Pasadena. Cerveró disse ainda supor que a petista sabia que políticos do PT recebiam propina da estatal. As afirmações foram feitas durante acordo de delação premiada.
“O declarante conhece há muito tempo a presidente da República Dilma Rousseff […] Que Dilma Rousseff tinha todas as informações sobre a refinaria de Pasadena; que o Conselho de Administração não aprova temas com base em resumo executivo; que o projeto foi aprovado na Diretoria Executiva da Petrobras numa quinta e na sexta o projeto foi aprovado no Conselho de Administração; que esse procedimento não era usual. Sempre que havia dúvidas sobre algum tema a ser analisado, o Conselho de Administração solicitava, esclarecimentos, que não foi solicitado nenhum tipo de esclarecimento quanto à aquisição da refinaria de Pasadena; que isso indica que não havia dúvida nenhuma quanto à aquisição da refinaria de Pasadena”, afirmou.
O ex-diretor da estatal combinou a delação em novembro do ano passado após seus advogados apontarem que senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS), tentou fazer com que ele não fechasse acordo com a Justiça. Cerveró está preso pela Lava Jato desde 2015.
Redação Bocão News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *