Preso há 2 anos pela Lava Jato o STF decide soltar ex-ministro José Dirceu

Imagem do Google

Corte concedeu habeas corpus ao petista após julgamento na segunda turma do Supremo

O Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu habeas corpus e decidiu libertar o ex-ministro José Dirceu nesta terça-feira (2). O petista estava preso há dois anos no âmbito da Operação Lava Jato. As informações são da Folha de S. Paulo.

O julgamento foi feito pela Segunda Turma do tribunal, da qual fazem parte os ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Celso de Mello e Edson Fachin, relator da operação no STF.

 

Toffoli e Lewandowski votaram pela liberação do ex-ministro. Fachin e Celso de Mello defenderam a manutenção da prisão. O desempate ficou a cargo de Gilmar Mendes, com decisão favorável ao petista.

 

Condenado duas vezes em ações da Lava Jato, Dirceu está preso desde 3 de agosto de 2015 em Curitiba.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *