Vitória vence o Vasco na Toca e está classificado para a quarta fase da Copa do Brasil

Quem é o Vasco na Toca do Leão? Nesta quinta-feira (16), no Barradão, o Vitória não quis saber de jogar pelo empate. Meteu pressão, venceu por 1×0 e está classificado para a quarta fase da Copa do Brasil. O próximo adversário será definido sexta-feira (17), às 14h30, em sorteio.

Mas não foi desde o começo que o Vitória botou moral. Nos primeiros 25 minutos de jogo, Vitória e Vasco estavam num marasmo só. O início do primeiro tempo teve chutão, pouquíssima técnica e nenhuma chance de gol – exceto por uma jogada horrorosa do zagueiro Jomar, que no seu primeiro lance quase fez contra ao tentar afastar um escanteio cobrado por Geferson.

Aos 26, enfim, uma luz. O Leão ensaiou uma jogada de perigo com toque David. Em seguida, viu o Vasco chegar duas vezes com Nenê, com muito perigo, respirou fundo com duas defesas difíceis de Fernando Miguel, e levou as mãos à cabeça ao ver a bomba de José Welison, de fora da área, que raspou o travessão. Luis Fabiano ainda tentou de cabeça e Patric com os pés, mas nada parecia dar certo. Só restava esperar por um segundo tempo melhor.

No vestiário, a água deve ter sido substituída por energético. Com outro pique, o Leão precisou de pouco tempo pra largar “aquele abraço” pra galera do Rio de Janeiro. Aos 13, David chutou em cima de Martín Silva e o zagueiro Alan Costa, que já tinha feito gol no jogo passado, contra o Botafogo-PB, sozinho, na marca do pênalti, mandou um chute certeiro de direita e fez 1×0.

Dono da Toca, o Leão se sentiu seguro com a superioridade no placar. Aos 23, José Welison cobrou falta, mandou uma bomba para o gol e quase fez o segundo. Foi por pouco.

O Vasco tentou reagir com uma cabeçada venenosa de Luís Fabiano, mas Fernando Miguel estava com o reflexo apuradíssimo.

Para não correr risco, o Vitória se fechou e viu o Vasco suar para esboçar uma reação, sem sucesso. O santo do rubro-negro foi mais forte. O talento em campo, idem. Chora Vascão, a vaga é do Leão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *