(Foto: Reprodução/Facebook)

Anúncios

Uma adolescente de 16 anos grávida foi morta a tiros, na madrugada da terça-feira (23), na cidade de Santa Cruz Cabrália, no sul da Bahia, por conta de uma dívida de drogas. O bebê também morreu. As informações foram divulgadas ao G1 pela Polícia Civil nesta quinta-feira (25). De acordo com o delegado Bruno Barreto, titular da cidade, Dhessica Whinhy Batista Almeida era usuária e drogas e também tinha envolvimento com o tráfico na região.

A suspeita é de que um traficante tenha ordenado a morte dela por falta de pagamento. A vítima foi perseguida e morta em via pública, no distrito de Coroa Vermelha, onde morava. “Parece que ela [vítima] estava em débito.

Ela já tinha apanhado como alerta, só que, depois dessa agressão, parece que ela não conseguiu efetuar o pagamento e foi assassinada”, contou o delegado. O corpo da adolescente foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Porto Seguro, onde foi periciado. Ainda não há informações sobre a identidade do autor do crime. O mandante, no entanto, já foi identificado, mas o nome dele não foi divulgado pela polícia. O caso está sob investigação. [G1-Bahia]