Secretaria da Segurança Pública recomendou que população não saia de casa



Jornal do Commercio/Rede Nordeste

Uma família de Serra Talhada está entre os mortos durante uma tentativa de assalto a banco em Milagres, no Sertão do Ceará, na madrugada desta sexta-feira (7). Segundo informações da Polícia Militar cearense, os pernambucanos voltavam para casa quando foram detidos pelos criminosos.

Entre as vítimas estão o empresário do ramo de informática João Batista Magalhães e seu filho, Vinícius Magalhães, de apenas 14 anos, além de dois cunhados do empresário. Outras oito pessoas, entre reféns e assaltantes, teriam sido mortas durante o tiroteio.

De acordo com apuração da Rádio O POVO/CBN Cariri, cerca de 30 suspeitos participaram da ação frustrada pela polícia. Eles pretendiam assaltar duas agências bancárias da Cidade, que ficam localizadas uma de frente para a outra. Dos mortos, quatro seriam do grupo de assaltantes.

Serviços suspensos
A Secretaria da Segurança Pública, Cidadania e Defesa Civil de Milagres, no Sertão do Cariri, tomou a decisão de suspender o expediente de repartições públicas da Cidade após a tentativa de ataque a banco que deixou pelo menos 10 mortos, entre assaltantes e reféns. O crime aconteceu nesta madrugada de sexta-feira. O comunicado foi postado na página do Facebook do governo municipal.

“A recomendação é que todos permaneçam em suas casas até que a ordem seja restabelecida”, diz a nota. Escolas suspenderam aulas e grande parte do comércio está fechada. Os moradores estão assustados com a situação. A Prefeitura de Milagres afirma que a medida está em concordância com as recomendações da Polícia Militar, que continua as buscas na Cidade. Helicópteros da Ciopaer também estão em diligências no Centro e nas imediações da Cidade.

As informações são do Jornal do Commercio

Ação
Conforme relatos de pessoas que moram próximo aos estabelecimentos bancários, a troca de tiros foi intensa e deixou vários feridos, além dos óbitos. Dez pessoas teriam dado entrada no Hospital Municipal Nossa Senhora dos Milagres. No Município o clima é de medo. 

Equipes do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foram acionadas para o local por volta das 2h30min, conforme o major Cavalcante. No momento que o grupamento chegou os criminosos trocavam tiros com a Polícia Militar (PM).