002Após a morte de Welington Pinheiro da Silva, 20, assassinado a tiros, no bairro Panorama, no início do mês de maio, a Delegacia de Homicídios (DH), de Feira de Santana, prendeu Sandoval Barreto de Oliveira, de 38 anos, nesta quarta-feira (1º). Segundo a polícia, no momento da prisão, ele portava um revólver calibre 38 e farta munição.
O delegado Gustavo Ameno Coutinho, titular da DH/FSA, informou que além da arma de fogo, Sandoval tinha ainda três coletes antibalísticos, roupas do exército, máscaras do tipo brucutu, algemas, pistolas Taser, distintivos de agente de segurança, radiocomunicadores e outros apetrechos.001 (4)
Ao ser interrogado pela polícia, Sandoval inicialmente negou a autoria do crime, mas diante das evidências acabou confessando, alegando ter sido ameaçado pela vítima. Welington chegou a ser socorrido para o Hospital Geral Clériston Andrade, depois de ser baleado, mas não resistiu.
Segundo o delegado Gustavo Ameno Coutinho, Sandoval é investigado pela participação em grupos de extermínio naquela região. Ele já foi encaminhado ao sistema prisional e o material apreendido será periciado no Departamento de Polícia Técnica (DPT).
Redação Bocão New